Informação . Neurociência . Autoconsciência

Isolamento Social e Saúde Mental

By on May 31, 2020 in Ciência do Dia a Dia with 1 Comment

Muitos países adotaram medidas de distanciamento social sem precedentes para retardar a propagação do Coronavírus. Infelizmente, devido ao seu recente surgimento, os estudos sobre o impacto psicológico do surto são ainda mínimos. No entanto, estudos iniciais na China apontam para um aumento da ansiedade, depressão e até mesmo estresse pós-traumático devido ao isolamento social (referência abaixo).

Nos EUA, a maioria dos estados implementou ordens de Lock down e isolamento social. Embora essas medidas sejam vitais para a saúde pública, o impacto psicológico associado ainda não foi muito bem compreendido.

Com o objetivo de avaliar o impacto das medidas de quarentena, bem como o impacto percebido do COVID-19 na saúde mental na população dos EUA, uma pesquisa on-line foi realizada para avaliar os níveis de stress relacionados à pandemia.

A pesquisa questionou 500 adultos norte-americanos de 45 estados com idades entre 20 e 74 anos.  Os participantes avaliaram questões sobre o nível de ansiedade, depressão, preocupação financeira, suporte social percebido e solidão. A maioria (82%) dos entrevistados relatou morar em uma área com quarentena atualmente em vigor há uma média de 5 a 10 dias.

Os pesquisadores sugerem que um possível resultado positivo dessa pandemia foi o aumento na busca ou conexão do apoio social (leia mais sobre isolamento social aqui) à medida em que os indivíduos tentam se adaptar às mudanças na vida cotidiano. Porém os autores observaram que indivíduos de baixa renda podem ser um grupo especialmente sob risco de sofrer resultados mais negativos e sugeriram que intervenções amplas focadas na promoção da saúde mental e bem-estar (incluindo um senso de conexão) deveriam ser realizados entre indivíduos com menos segurança financeira.  

Apesar dos resultados mostrarem que aqueles que permaneceram em isolamento social apresentaram aumento da ansiedade na saúde, solidão e preocupação financeira, o impacto percebido da pandemia também foi associado ao aumento do apoio social e à diminuição da solidão. Algo já relatado em pesquisas anteriores onde a experiência compartilhada da pandemia levou a um aumento da proximidade e coesão social (referência abaixo).

Embora pesquisas anteriores sugiram que os efeitos de pandemias na saúde mental tendem a diminuir com o tempo, talvez esse não seja o caso do impacto do COVID-19 dada a taxa de mortalidade relativamente alta, a falta de testes adequados em alguns países e a ausência de intervenções farmacêuticas eficazes, resta saber se uma trajetória semelhante ocorrerá com a atual pandemia.

Referências:

Tags: , , , , , , , , , , , , ,

About the Author

About the Author: É Neurocientista, Palestrante, Yoguini, blogger, vlogger e Produtora de eventos na Círculo Produções (http://www.circuloproducoes.com). Já foi Dj, dona de loja, garçonete, assistente de cobrança, vendedora, professora de universidade, webdesigner, fotógrafa, especialista em logística de piloto e dona de Club. Ama a música, o cérebro, o universo, a ciência e escrever. .

Subscribe

If you enjoyed this article, subscribe now to receive more just like it.

There is 1 Brilliant Comment

Trackback URL | Comments RSS Feed

  1. Obrigado por uma informação tão boa. First this is a Great list Hosting Information Sites , Superb Work helpful Information , Post I like Its Thank You very Much For Sharing me , keep it up Really Great Staff ,

Post a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

13 + 6 =

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Top