Resolvi ser DJ, como faço pra entrar numa agência? Qual a Fórmula do sucesso?

By on June 28, 2012 in Management with 1 Comment

Ninguém merece! Essa pergunta foi feita ao menos umas 3 x em 5 minutos de palestra no Rio Music Conference desse ano, várias pessoas legais e importantes falando sobre seu trabalho, dificuldades etc etc.. e todo mundo que levantava fazia a mesma pergunta. %$#&*!

Sem querer ser polêmica, apenas um pouco realista e antes de mais nada, faça a si mesmo a seguinte pergunta: Por que você resolveu ser DJ?

A primeira condição para um DJ ser DJ é amar música, e veja bem, não é baixar grátis as 7 melhores da jovem pan e tocar no programa que mixa pra você na festa dos seus amigos, nem algo que você achou legal porque viu o DJ rodeado de mulher e champagne na TV, é muito mais que isso, SAIBA.

Ser DJ implica em ao menos essas principais características:

1-Boa técnica

Técnica é algo que pode ser aprendido e/ou desenvolvido; assim como idiomas, algumas pessoas tem mais facilidade que outras. Porém, uma coisa é certa, quanto antes você aprender, melhor. Agora mais importante ainda é o treino e a dedicação, tem que TREINAR MUITO! Então, antes de qualquer coisa APRENDA a mixar com cd (pen drive…) e também com vinil.

São inúmeras as possibilidades de aprender, pode ser fazendo um curso, com um amigo DJ, com vídeos no youtube ou mesmo vendo outros tocarem (vai que você é um gênio desses tipo o NEO de Matrix). Se seu tempo de treino for de menos de 6 meses (1 hora por dias), vá treinar porque você não está pronto, treino é tudo nessa vida e 6 meses é o mínimo do mínimo, MIXAR é essencial, mesmo que depois você decida dar o truque com o sync, tem que saber.

2- Feeling de pista

Esse tópico é o que mais gosto porque depende de dois fatores Básicos: Você e as pessoas que estão lhe ouvindo.
Responda sinceramente a essa pergunta você entende de musica? Se só conhece hits de rádio e músicas q ouviu por ai, vá pesquisar, a internet ta ai.
Entenda melhor as diferenças entre os estilos, ouça coisas diferentes, vá em busca das suas raízes sonoras (nossa q lindo isso!) e faça isso constantemente. Pense que quando os grandes DJs começaram a tocar não havia internet e tente entender o quanto foi difícil para eles antes de ficar com raiva porque todos ignoram seus emails.

Quanto a entender as pessoas, experiência de pista é algo que ajuda muito, mas no caso de ser nula; sugiro uma ótima leitura: O Corpo Fala. Um livro fácil de ler que explica basicamente como entender o que as pessoas querem dizer de acordo com sua postura e atitude corporal, vale muito a pena e certamente vai te ajudar também em outros aspectos na sua vida.

3- Estilo

Provavelmente esse aspecto é o primeiro a ser analisado, contudo, deveria ser o último. Seu nome artístico é muito importante e deve ser pensado com muita calma. Tome muito cuidado. tem cada DJ famoso por ai que começou a tocar com uns nomes, que dá até dó. Tente não seguir modismos (houve uma época que todo DJ usava o primeiro nome e a primeira letra do sobrenome com um . , depois uma época que era moda usar o apelido + o sobrenome fino….), antes de se decidir, pense lá no futuro, e ai decida.

Não se preocupe muito com o estilo musical porque com certeza vai levar um tempo até você se definir musicalmente (não existe só o comercial e underground viu?), no começo o ideal é experimentar e tocar o que gosta, o tempo responderá isso para você.
E por fim, procure ter um bom material, pretendo escrever um post somente sobre fotos artísticas e release mas basicamente você deve ter o seguinte: Fotos – Release (biografia) e Set disponível, também aprenda desde bem cedo a se promocionar pelas redes sociais, para isso voce pode ler minhas dicas.

Para os que estão começando fica complicado escrever uma biografia mas meu conselho a todos é: menos é mais! Na boa, você acha que adianta escrever que tocou ao lado de x e y? A não ser que o X e Y tenha ficado impressionado e te convidado para abrir suas tours na Europa, não coloque isso, vai por mim, queima muito filme.

De qualquer maneira é muito importante criar uma identidade que junte tudo isso (nome + foto + release + set), isso te definirá artisticamente e abrirá ou fechará muitas portas.

Bom, é isso, já fez tudo isso? Tá tocando bastante? Agora sim pode começar a pensar em agencia e na tal Fórmula, mas isso fica pra outro post.

Gostou? odiou?

Compartilhe, assine a news, comente abaixo, twittaaa!!!

 

 

 

 

Até a próxima.

Tags: , , , ,

Mariana Verzaro

About the Author

About the Author: É idealizadora da Círculo Produções, blogger, produtora musical, manager de djs, musicoterapeuta organizacional e estudante de neurociência. Multitask ou melhor multiloca, já foi dona de loja, garçonete, Dj, assistente de cobrança, vendedora, professora de universidade, webdesigner, fotógrafa, produtora de eventos, especialista em logística de piloto e dona de Club. Ama o cérebro, teorias de conspiração, ser do contra e escrever. .

Subscribe

If you enjoyed this article, subscribe now to receive more just like it.

Post a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Top