A música na natureza – Evolução

By on May 28, 2017 in MusicaMente with 0 Comments

A música parece ser uma forma de arte mais fundamentalmente humana do que a maioria. É o lar de nossas emoções mais íntimas e tem um efeito tão forte na nossa química cerebral que é viciante. Mas, não são apenas os humanos que amam a música. A ciência do efeito da música sobre animais e até plantas revela algo surpreendente: não é apenas uma forma de arte – é essencialmente uma força da natureza.

As baleias, golfinhos e pássaros usam a música não somente para conseguir parceiros mas também por prazer e para unir um grupo. Devido, em grande parte, à frustração de ser acordado por um pássaro que se levanta cedo, a maioria de nós anula todo o ruído animal como meramente irritante. Os animais, por outro lado, são empáticos quando ouvem música de espécies cruzadas e reagem com emoções e comportamentos estranhamente semelhantes aos nossos.

Em canis de cachorros, pesquisadores descobriram que a música clássica reduziu a ansiedade nos cães, ajudando-os a dormir mais e a latir menos. Heavy metal, por outro lado, fez os cães latir mais, dormir menos e se movimentar violentamente, ironicamente, os mesmos sintomas de um verdadeiro metalhead.

Como cachorros, as vacas também preferem a música clássica. Um estudo revelou que elas produziram muito mais leite quando ouviram músicas lentas (menos de 100 bpm) e menos leite quando ouvirem música rápida (mais de 120 bpm).

Além de meramente apreciar a “música humana”, os animais podem realmente identificar ritmos e até semelhanças entre canções, permitindo que diferentes tipos de música afetem seu comportamento. Um estudo descobriu que cavalos conseguiram sincronizar seu ritmo com o ritmo de uma música tocada ao fundo, assim como leões marinhos e os macacos bonobos.

Os tamarins, um pequeno macaco das florestas tropicais da América Central e da América do Sul, foram os primeiros animais estudados por pesquisadores para exibir comportamento diretamente ligado a tipos de música.

Um violoncelista juntou-se a um psicólogo para criar quatro canções modeladas de acordo com as vocalizações dos animais, duas imitando a chamada de socorro e duas imitando uma chamada segura e calmante.

Quando a equipe tocou as composições de chamada de socorro, os macacos exibiram sinais de angústia, como balançar a cabeça, estender a língua e olhar em volta, Mas quando os números calmantes foram tocados, eles mostraram sinais claros de que estavam calmos e apreciando a música.

Sem dúvida, os animais exibem algumas outras qualidades humanas também. Seu gosto pela música pode resultar de qualquer sobreposição genética que encontramos. Mas a verdadeira demonstração de que a música é algo mais do que um mero fenômeno humano vem do mundo das plantas.

Pesquisadores da Coréia do Sul descobriram que tocar música clássica desencadeou diretamente genes de crescimento em culturas de arroz. Eles tocaram músicas de Beethoven através de alto-falantes em campos de arroz e rastrearam os resultados, descartando fatores de luz e vento e demonstrando seriamente que a música estava estimulando o florescimento nas plantas de arroz.

Isso significa que provavelmente o efeito da música é mais profundo do que o de apenas ser um som agradável e prazeroso. Parece claro, portanto, que a música é mais uma lei universal de expressão e cuidado do que um artifício humano. A música é uma relação entre os sons, que pode tão razoavelmente moldar as emoções dos seres humanos e animais, quanto estimular o crescimento das plantas.

 

Referências:

Efeito Mozart em vacas:

http://news.bbc.co.uk/2/hi/science/nature/1408434.stm

Música em canis:

http://www.news.colostate.edu/content/documents/Behavioral%20effects%20of%20auditory%20stimulation%20on%20kenneled%20dogs%20published.pdf

Leões Marinhos sincronizam ritmos:

https://phys.org/news/2014-02-beat-keeping-sea-lion-rhythmic-ability.html

Macacos Tamarins:

http://www.sfgate.com/nation/article/Study-finds-music-may-affect-animals-moods-3217490.php

Música e plantas:

http://www.newyorker.com/magazine/2013/12/23/the-intelligent-plant

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , ,

About the Author

About the Author: É idealizadora da Círculo Produções, blogger, produtora musical, manager de djs, musicoterapeuta organizacional e estudante de neurociência. Multitask ou melhor multiloca, já foi dona de loja, garçonete, Dj, assistente de cobrança, vendedora, professora de universidade, webdesigner, fotógrafa, produtora de eventos, especialista em logística de piloto e dona de Club. Ama o cérebro, teorias de conspiração, ser do contra e escrever. .

Subscribe

If you enjoyed this article, subscribe now to receive more just like it.

Post a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

14 − 9 =

Top